Entrevista com DJ Linky

07/10/2016

 

 

Lincoln Ferraz ou DJ linky,descobriu sua paixão pela música com aproximadamente  doze anos de idade, desde então, passou a dedicar-se totalmente  e posteriormente participou de campeonatos para DJs , foi residente do lendário Fabbrica 5 e passou a se  apresentar em diversos Clubs, festivais importantes  da cena eletrônica e também inúmeros  projetos de Drum N Bass (que diz ser sua paixão).

 

Ele é um dos artistas da Soulbass Recordings!

 

Welcome, Linky!

 

 

Como foi seu inicio na cena eletrônica e quais as pessoas que o apoiaram nessa época?

 

R: Eu era apenas um garoto de dez anos quando percebi que gostava de rap, andava de skate e tinha todo um visual (risos).

Com doze anos, ganhei meu primeiro par de toca-discos e meu irmão Leo a.k.a Dirtbag, me mostrou Roni Size, DJ Marky entre outros artistas de Drum & Bass.

 

Aquela época, eu só  queria saber de fazer scratch, back2back e performances com os toca-discos e o DNB me chamou atenção pela batida  rápida e pesada e me possibilitava a continuar  mantendo a cultura do Turntablism, com performances e tal e eu adorei aquilo!

Tinha tudo a ver comigo.

 

 

 

Você se apresentou em festas de grande importância para o Drum N Bass ao lado de grandes artistas durante sua trajetória. Quais foram as que ficaram para a história, em sua opinião?

 

R: Bom, a minha primeira grande oportunidade foi na Spirit of London em 2008 e evento contou com mais de 64 mil pessoas batendo Record de público.

 

Naquela noite os MCs Lucky e Size se apresentaram comigo e foi muito marcante e importante para mim.

 

 Somente eu, Marky , Andy e TC tivemos apresentações de 2 horas de set. Foi Perfeito!

 

Eu toquei  também na edição  Spirit Of London (2011) e entre os convidados da noite tivemos: Commix.

 

Fiz Também The Bass com Bryan Gee e Monsters Of Drum & Bass com D-Bridge.

 

Outra festa que me marcou também, foi o ano novo em 2013 em Nova York, onde  toquei com MC Trac no Brooklyn.

 

 

 

Você produziu diversas tracks para artistas renomados no país. Fale um pouco sobre esses trabalhos.

 

R: Sobre produção, já fiz Rap, House Music, Pop e Drum & Bass. No Hip Hop, participei de músicas com XIS, também estou produzindo duas faixas com Rappin Hood  para seu novo disco, "Sujeito Homem 3".

 

Recentemente, fiz os beats da faixa " Ela Só Quer Paz" do Projota que está fazendo o maior sucesso nas rádios!

 

 Fiz Também um remix para a Negra Li, “Você Vai Estar Na Minha”, que foi lançado no disco Duetos pela Universal Music.

 

Para a Universal, produzi duas versões remix da faixa Bewith Me para o cantor Sam Alves, vencedor do The Voice Brasil.

 

No Drum & Bass, fiz "What Do You Want", lançado pela Luv Disaster Records e o DJ Physics fez um remix o que levou a música para o programa da Methalheadz sendo tocado pela DJ Storm.

Eu fiquei muito feliz com Isso.

 

 

 

Como surgiu o convite para fazer parte da família Soulbass Recordings?

 

R: O  Lucky MC que hoje está administrando a Soulbass Recordings ao lado do Renato Tecnic, já me pedia músicas há muito bom tempo, mas eu estava sempre muito corrido com a demanda de trabalhos que eu  tinha.

 

Na época ele tinha o selo ao lado do Soneca Junglist da Metta Recordings e só então este ano surgiu a oportunidade de fazer um EP para Soulbass chamado" Secretagent ". O EP já está pronto e será lançado em dezembro de 2016.

 

 

 

Você está envolvido em quais projetos atualmente?

 

R: Atualmente estou fazendo alguns beats para o Rappin Hood e também tenho planos de lançar algo novo com o XIS.

Tenho um projeto chamado Inmost com meu perceiro Atwo, no qual usamos influências de Hip Hop com samples de rimas e melodias dark , contando com basslines forte de peso em Low Bpm. Trata-se de G House, Deep House e Nu disco. Já temos mais de 23 tracks prontas e 8 lançadas.

 

Também continuo produzindo DNB, o gênero musical que me move (risos).

Este ano até agora fiz 10 faixas no seguimento, duas já lançadas pela Luv Disaster Records (Dub Space & Tarmac) , o EP da SoulBass que está chegando com 4 faixas. e outras 4 faixas ainda não lançadas!

 

 

 

Gostaria de deixar um agradecimento especial á todo o público que acompanha seu trabalho desde o início e prestigia suas festas?

 

R: A todos que me acompanham desde amigos e fãs, eu só tenho a agradecer, pois são vocês que me motivam!

 

Num mundo onde tudo é possível, você pode ser o que você quiser... só não se esqueçam de serem gratos. Gostaria de aproveitar o espaço e pedir que as pessoas percebam a importância da cultura e da história da música.

 

Lembrem-se que antes de vocês, novos produtores e promoters de festas, existiram outros, que abriram as portas para o seguimento e dando assim a oportunidade de vocês serem quem são! Acho que é isso!

 

Muito obrigado pela oportunidade, Debby e até a próxima!

 

 

 

 

 

Confira fotos de alguns dos seus trabalhos!

 

 

 

 

Conheça  na íntegra, alguns dos seus trabalhos!

 

 

Apresentação na edição do  Tem Bass 2016 Na Ban EMC

 

 

Kaleidoscópio - Sou Baiana Dj Link & DJ Marnel remix

 

 

 

 

Apresentação no Camarote em Salvador- 2012 

 

 

Apresentação no The Bass edição 2012

 

 

Apresentação na Spirit Of London edição 2008 ao lado de MC Lucky e Mc Size

 

 

 

 

Please reload