Entrevista com DJ Tiago Souz

04/11/2016

 

Tive a honra de bater um papo mega especial com um dos profissionais mais queridos do Techno e saber a fundo sobre toda a sua trajetória como DJ e Produtor.

 

Welcome querido, Tiago Souz!

 

 

 

A partir de quando você tornou-se DJ e quem o apoiou na época?

 

R: Comecei a tocar para o público mesmo, em 2011. Antes disso, sempre brincava um pouco nas festas de alguns amigos.

Muitas pessoas me apoiaram (tive sorte). Além dos amigos, Dj Héklio, Sub (que me levou para tocar na primeira gig em um  club), Deejay Julião, Barboza Techneura, Rafael Souza (Dorme) da Techlontra/Distrito, foram os que primeiro apostaram no meu trabalho como Deejay.

 

 

 

Quais são suas influências musicais e o que jamais pode faltar em seu set?

 

R: Nossa, apesar do público achar que sou techneiro 24 horas (risos), minhas influências vão do Jazz, Funk, Soul, Blues, Reggae, Hardcore ao Breakbeat, Jungle, House, Techno, Acid, enfim, uma variedade enorme. Como a grande maioria dos meus sets são de Techno, procuro sempre tocar músicas de artistas que mexem comigo de alguma maneira, como: A.Paul, Monoloc, Gabeen, The Advent, Drummer...

 


 

Que eventos você participou e que deram um “Up” em sua carreira como DJ e Produtor?

 

R: Vou citar alguns eventos,porém todos tiveram uma contribuição.

Techno Route, Fervo, Techlontra, Insomnia, U.Name.it, Monotech...E claro, alguns podcasts na Dj Ban,.

 

 

 

Sobre os projetos, fale um pouco sobre o trabalho que tem em conjunto com o DJ Márcio Diamantino.

 

R: Lega!  Esse projeto nasceu de um B2B com o Dj Sub na festa Monotech no Mono.

 Na época, o Rogério Lero era quem estava a frente e a convite do Sub fizemos o B2B, a galera curtiu e decidimos criar um projeto duo de Techno o Double Tech Djs.

 

 

 

Em sua opinião, é fácil ser DJ atualmente na questão de aprender a discotecar corretamente e também mostrar o trabalho nas casas noturnas?

 

R: Acho que já foi pior. Basta vermos a gama enorme de novos artistas que surgem a todo tempo. A questão da discotecagem também esta mais fácil, visto vários cursos de Deejay existentes e a evolução dos equipamentos. Antes não! O cara tinha que ter toca discos, comprar seus discos e treinar sozinho ou com amigos, Existiam cursos, mas eram poucos. Já a questão de onde tocar, vai de contatos ou ser agenciado. Mas que é difícil, é...

 

 

 

Quais são os maiores artistas de Techno do momento e que você é super fã?

 

R: Poxa... Tem muitos. Pet Duo, A.Paul, Lukas Freire, Murphy, Eto, Drummer, Speedy J, Dave Clarke... E claro, Jeff Mills.

 

 

 

Você faz parte de projetos paralelos atualmente?

 

R: No momento estou me dedicando ás discotecagens. Tenho minha festa, a TECHBAR que espero voltar com força total o mais rápido possível.

De vez em quando, sempre entramos com outros parceiros e festas para continuar a caminhada.

 

 

 

Gostaria de deixar uma mensagem a alguém em especial ou ao público que acompanha seu trabalho desde o início?

 

R: Claro, agradeço á você Debby pela oportunidade e ao público que sempre me acompanha.

Ver vocês na pista não tem preço!

 

 Ao Fab Gonzales pela confiança de sempre em suas festas, Elaine Ela, Rogério Lero e Barboza Techneura.

 

Muito obrigado pela força desde sempre! Lost Friends, estamos juntos!

 

 

 

CONFIRA FOTOS DE ALGUNS TRABALHOS!

 

 

ASSISTA OS VÍDEOS E CONHEÇA A FUNDO SEU TRABALHO!

 

 

FESTA UTI

 

 

 

CLOSET PARTY - DJ BAN EMC

 

 

 

BDAY MUSIC SHOW CASE- DJ BAN EMC

 

 

 

 

 

Please reload